Seja Bem-Vindo a SB Ortoimplante

Afinal, quanto custa um implante dentário?

Afinal, quanto custa um implante dentário?

Afinal, quanto custa um implante dentário?

Os implantes dentários são importantes para a aparência, autoestima e bem-estar dos pacientes que não têm todos os dentes na boca. Mas, além da questão estética, eles contribuem para uma mastigação saudável, para a fonética adequada e ajudam a preservar a estrutura dos demais dentes. Esse procedimento pode ser feito por pessoas que perderam seus dentes por algum tipo de acidente, desgaste, cáries ou até mesmo por doenças periodontais.

Quanto custa um implante dentário?

O implante dentário não é um procedimento barato. O preço varia de acordo com cada técnica usada. Com o avanço da tecnologia no ramo da odontologia, muitos materiais ficaram mais resistentes e proporcionam mais conforto aos pacientes. A quantidade de dentes perdidos, o uso de material nacional ou importado e a estrutura da clínica odontológica também influenciam no valor final do tratamento.

Há casos em que um implante pode custar de R$ 800 a R$ 4000 mil, mas apenas um dentista capacitado pode passar um orçamento completo e avaliar melhor o estado do paciente. Vale lembrar que o pagamento, na maioria das vezes, pode ser feito com cartão de crédito, à vista, por boleto ou débito em conta.

Para as pessoas que não têm condições de pagar por um implante, é possível recorrer às universidades de odontologia, que disponibilizam diversos tratamento por um preço mais popular. O paciente deve ter em mente que, na maioria dos casos, o profissional irá solicitar exames, que poderão ter um custo extra.

Quais exames são necessários para colocar um implante dentário?

Antes de colocar um implante dentário no paciente, o dentista precisa avaliar a situação do osso localizado abaixo da gengiva e o estado da boca como um todo. A radiografia panorâmica costuma ser bastante utilizada. Com ela, é possível observar a situação e a altura do osso.

A tomografia computadorizada é um exame ainda mais completo e detalhado. Com ela, o dentista consegue avaliar com exatidão a altura e largura do osso, bem como a situação anatômica da boca. A grande vantagem é que o profissional tem como analisar melhor o planejamento da cirurgia, evitando a chance de erros ou riscos. Graças à tomografia, o especialista tem como saber a real estrutura do osso e se será necessário fazer algum tipo de enxerto ósseo no local do procedimento.

Como é feito o implante dentário?

O implante dentário é um procedimento feito com anestesia local em um consultório odontológico. Ele consiste em uma técnica na qual o dentista coloca um parafuso de titânio no osso do dente, localizado abaixo da gengiva. Esse parafuso passa por um processo de osseointegração, levando aproximadamente três ou quatro meses para fixar o material no osso. O procedimento leva em torno de seis meses para ser totalmente concluído.

Depois que o parafuso fica totalmente estável no osso, o profissional confecciona uma prótese e coloca sobre pino. Os dentes artificiais passam a ocupar o espaço que antes estava vazio ou com um dente deteriorado.

Em alguns casos, o dentista também pode optar por um implante dentário de carga imediata. Com esse método, as próteses são aplicadas logo após a colocação dos pinos do implante, garantindo ainda mais agilidade ao tratamento. No entanto, essa técnica só é feita após uma boa avaliação do dentista para detectar se o paciente tem condições favoráveis de fixação e estabilidade do implante.

Após a realização do procedimento, o cirurgião-dentista poderá indicar analgésicos e o repouso ao paciente. É importante seguir todas as recomendações e evitar esforço durante a recuperação, principalmente na primeira semana.

Cuidados após colocar implante dentário

Depois de colocar um implante dentário, o paciente precisa continuar visitando o consultório dentário para avaliações periódicas. Outra recomendação é ter sempre uma boa higiene bucal, escovando os dentes diariamente, usando fio dental e enxaguante bucal, pelo menos, 1 vez ao dia. Há produtos e escovas específicas para quem tem implantes, que também podem ser adquiridos sob orientação do dentista.

O implante dentário causa dor?

O implante dentário é um procedimento que não causa dor imediatamente no paciente, porque é feito com anestesia local. No entanto, os cuidados após a cirurgia devem levados a sério para evitar desconforto, infecções ou alguma complicação mais grave.  Geralmente, os dentistas indicam remédios para dor, anti-inflamatórios, antibióticos, produtos antissépticos e repouso.

A dor pode ocorrer nos cinco primeiros dias depois da cirurgia, por isso, é fundamental usar os medicamentos prescritos pelo dentista. Alimentos frios e pastosos ajudam a minimizar o desconforto.

Um dos maiores medos em relação aos implantes está relacionado às dores. A boa notícia é que a técnica está bastante avançada e já é possível prevenir a maior parte das complicações. Vale lembrar que os medicamentos também evoluíram e ficaram mais potentes nos últimos anos, oferecendo mais qualidade de vida aos pacientes.  

Contraindicações do implante dentário

Antes de colocar um implante dentário, é preciso ter em mente que o método exige bom estado geral de saúde, além de gengivas e ossos saudáveis. Os casos que precisam de mais atenção são as pessoas com diabetes, pressão alta ou alguma doença crônica. Cada caso deve ser avaliado por um especialista capacitado.

Em alguns casos mais críticos, o dentista pode entrar em contato com o médico do paciente para entender melhor a situação e fazer um procedimento mais seguro.

Marque seu atendimento na Clínica SB Ortoimplante e tire outras dúvidas com nossos profissionais. Cadastre também o seu e-mail para receber nossas novidades!

Compartilhar:

Leave comment